Notícias

1 de novembro, o regresso do Pão-por-Deus?

      
Fonte: Shutterstock
Este ano, e após um interregno de 3 anos, volta-se a comemorar o feriado de Todos os Santos. Ainda que cada vez mais a cultura norte-americana venha a ganhar força nos centros urbanos com a implementação de festas de Halloween entre os mais novos e os jovens, relembramos aqui a tradição portuguesa e o significado deste feriado religioso de grande tradição em Portugal e que este se volta a comemorar.

Leia também:
» Conheça cursos de História
» Conheça cursos de teologia

Até há alguns anos, pouco ou nada se ouvia falar do Halloween. No entanto, em Portugal existia, e continua a existir em algumas localidades mais rurais, a tradição do Pão-por-Deus. Diz a tradição que no dia 1 de novembro, o Dia de Todos os Santos, as crianças saem à rua com um saco de pano na mão a pedir de porta em porta o Pão-por-Deus. Em troca recebem broas, rebuçados, pastilhas, nozes, algumas moedas, enfim, aquilo que o dono da casa estiver disposto a oferecer.

A celebração desta efemeridade, que teve a sua origem em Lisboa, remonta ao dia 1 de novembro de 1756 (1 ano depois do terramoto que destruiu Lisboa). Com o Terramoto de 1755, Lisboa ficou praticamente destruída e morreram milhares de pessoas. A população da cidade que era na sua maioria pobre, ainda mais pobre ficou.

Como a data do terramoto coincidiu com uma data com significado religioso, 1 de Novembro (data que honra todos os santos conhecidos e desconhecidos, mártires e cristãos heroicos celebrados ao longo do ano) de forma espontânea, no dia em que se cumpria o primeiro aniversário do terramoto, a população aproveitou a solenidade do dia para desencadear por toda a cidade um peditório para minorar a situação de pobreza em que tinham ficado.

Perante a situação de pobreza extrema, as pessoas percorriam a cidade, batiam às portas e pediam que lhes fosse dada qualquer esmola, mesmo que fosse pão: o "Pão-por-Deus". Esta tradição perpetuou-se no tempo, sendo sempre comemorada neste dia e tendo-se propagado gradualmente a todo o país.

Após a década de 80, e nos centros mais urbanos, começou a desvanecer-se esta tradição e os mais novos começaram aos poucos a tentar implementar a tradição norte-americana, sobretudo através da realização de festas temáticas.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.