Notícias

Faz-Te Forward abre candidaturas para a 7ª edição

      
Faz-Te Forward abre candidaturas para a 7ª edição
Faz-Te Forward abre candidaturas para a 7ª edição  |  Fonte: Faz-Te Forward

REGISTE GRATUITAMENTE O SEU CURRÍCULO

ENTRE AQUI

Na sua última edição o programa Faz-Te Forward recebeu mais de 150 candidaturas. Este programa que tem como objetivo aumentar a empregabilidade e a inclusão socioprofissional de jovens adultos está de volta à área metropolitana do Porto e as candidaturas encontram-se a decorrer até ao próximo dia 3 de fevereiro para a sua 7ª edição, a segunda nesta região.

Candidaturas até 3 de fevereiro

Os candidatos podem oficializar a sua candidatura através da página do Facebook, em facebook.com/fazteforward, e após a seleção de um novo grupo de 30 participantes, o programa de capacitação arrancará no início de março e terminará em julho deste ano. Ao longo de cinco meses o plano prevê workshops em soft skills, em grupo, com formadores convidados, uma vez por semana, em horário pós-laboral, assim como sessões individuais de coaching, com coaches profissionais certificados, duas vezes por mês, em horário combinado e ainda, reuniões individuais de mentoria, cerca de quatro, com profissionais das suas áreas de interesse.

30 vagas para programa que se realiza de março a julho de 2018

Ao longo das suas seis edições o Faz-Te Forward revelou um impacto crescente, sendo que em média mais de 70% dos participantes encontraram emprego, comprovando que o reforço de competências transversais e o acesso a ferramentas práticas e novas estratégias diferenciadoras na procura de emprego podem ser decisivos na transição para o mercado de trabalho.

Mais de 70% dos participantes nas edições anteriores encontraram emprego

Na 6ª edição, primeira na Invicta, que está atualmente a decorrer até março deste ano, participam 30 “Fazters”, com idades entre os 18 e os 29 anos, residentes em 12 concelhos distintos da Área Metropolitana do Porto, com formação, quer profissional quer superior, em áreas tão diversas quanto engenharia, gestão, ciências sociais, línguas e literatura ou gestão desportiva, entre outras. Ao entrarem no programa a maioria estava à procura do 1º emprego, existindo também jovens desempregados e no ano de conclusão da sua formação.

Para jovens dos 18 aos 29 anos

Para Rui Costa, finalista na área de engenharia e atual participante da 6ª edição, nestes primeiros meses do programa “a mudança mais importante tem sido de atitude. Além das ferramentas práticas que as formações têm dado, sinto que o coaching me tem feito pensar e refletir sobre aspetos da minha vida que até então não fazia (…). Para além disso, das questões práticas abordadas nas formações as que mais me impactaram com novas coisas que tento implementar no dia-a- dia foram: comunicação interpessoal, marketing pessoal e ferramentas de procura de emprego”.

Também Catarina Pereira, que iniciou o programa como recém-licenciada e que entrou recentemente no mercado de trabalho salienta que “a participação no programa ajudou-me a estabelecer e priorizar ações na procura de emprego e encorajou-me a sair da minha zona de conforto e combater alguns receios do mercado de trabalho. Toda a experiência tem-me proporcionado um maior autoconhecimento, ajudado a estar mais consciente das minhas capacidades, reconhecer áreas de melhoria e acompanhar o meu progresso”.

Este projeto é realizado em parceria pela TESE – Associação para o Desenvolvimento, o Laboratório de Investimento Social, a Fundação Calouste Gulbenkian, a Deloitte, o Instituto de Emprego e Formação Profissional e a Câmara Municipal do Porto.

Faz-Te Forward  é um projeto sem fins lucrativos que tem como objetivo aumentar a empregabilidade e inclusão socioprofissional de jovens adultos, apostando nas soft skills, no autoconhecimento e no networking como fatores diferenciadores na transição do ensino para o mercado de trabalho, através de um programa de capacitação personalizado e intensivo que inclui formação, coaching e mentoria. Neste programa apenas podem participar pessoas com idades compreendidas entre os 18 e os 29 anos e que tenham concluído ou estejam a concluir formação profissional ou superior, desempregados ou à procura do 1º emprego. O projeto iniciou-se em 2011 tendo já abrangido mais de 190 jovens ao longo de seis edições e apresenta resultados positivos, com destaque para uma média de 73% dos jovens integrados no mercado de trabalho após a participação no projeto.

O Faz-Te Forward é atualmente implementado através de um Título de Impacto Social pela TESE – Associação para o Desenvolvimento e pelo Laboratório de Investimento Social, com investimento da Fundação Calouste Gulbenkian e da Deloitte e o acompanhamento do Instituto de Emprego e Formação Profissional (IEFP), contando ainda com o apoio operacional da Câmara Municipal do Porto. O Título de Impacto Social Faz-Te Forward é co-financiado pelo Programa Operacional Inclusão Social e Emprego (PO ISE), Portugal 2020 e UE, através do Fundo Social Europeu.

E se está à procura de emprego, consulte também as oportunidades disponíveis nos portais da rede Trabalhando Portugal, registe-se, mantenha o seu currículo atualizado e candidate-se às ofertas de emprego na sua área.

Lembre-se:

E se tem algum tempo disponível e gostava de abraçar uma causa e enriquecer o seu currículo, também tem agora disponível o AJUDAMOS.PT. Clique e informe-se de que forma pode ajudar ou ser ajudado:



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.