Notícias

Vale a pena regressar à universidade?

      
Fonte: Shutterstock
Perante as dificuldades em encontrar emprego, muitas pessoas pensam em voltar a estudar e tirar um curso para enriquecer o currículo. No entanto, uma nova licenciatura ou pós-graduação não é garantia de emprego, muito menos se a área escolhida não abranger a sua área de trabalho. Esta decisão é difícil e deve ser ponderada com cuidado. A seguir, fique a conhecer algumas questões a refletir antes de regressar à faculdade:

Leia também:
» 4 dicas para aprender melhor
» 3 motivos para estudar no estrangeiro
» Como perceber se está no caminho para o sucesso

1. Voltar à faculdade é mesmo a melhor opção?

Se o seu atual emprego exige que tenha um novo diploma para que possa ser promovido e crescer profissionalmente dentro da empresa, então não tenha dúvidas, a escolha certa é mesmo voltar a estudar. Mas se o seu problema é não encontrar trabalho na sua área de formação, então voltar a estudar talvez não seja a melhor decisão. Procure emprego em campos relacionados com a sua área de formação e em outras cidades. Caso pretenda mesmo voltar à faculdade, certifique-se que isso lhe trará bons resultados no futuro.

2. Haverá um aumento do salário?

Ao fazer um MBA (Master of Business Administration) muitas pessoas recebem um aumento de salário. Se o regresso à faculdade lhe vai trazer os mesmos benefícios que o MBA deverá equacionar se o aumento de salário vai compensar os custos do novo curso. Caso o custo seja superior ao aumento, talvez não lhe traga grandes vantagens. Uma solução poderá passar por procurar universidades públicas em vez de privadas, para que os gastos sejam mais reduzidos.

3. A sua atual carreira é a que realmente deseja?

Depois de formadas muitas pessoas acabam por não gostar de trabalhar na área e optam por mudar de carreira. Mas se nunca trabalhou na profissão que escolheu seguir, ou deseja mudar de área de formação, então opte por fazer alguns estágios antes de começar um novo curso e assim saberá se está no caminho certo.

4. De que forma é que regressar à universidade vai afetar o meu dia-a-dia?

Voltar a dedicar-se aos estudos vai ocupar-lhe grande parte do seu dia, principalmente se planeia continuar a trabalhar. Pensar nos efeitos que isso lhe poderá causar é primordial para que não prejudique outros aspetos da sua vida como, por exemplo, as relações pessoais e familiares. Se é casado(a), o apoio do conjugue é essencial. Outra opção poderá passar por adaptar o programa do curso e fazê-lo faseadamente, ocupando assim apenas alguns dias da semana ou os fins de semana, o que poderá contribuir para que consiga manter o seu estilo de vida.

5. O seu atual emprego contribui para os custos da faculdade?

Algumas empresas ajudam os funcionários a pagar a faculdade, caso haja um benefício futuro. Procure o departamento de RH (Recursos Humanos) da empresa onde trabalha e informe-se sobre possíveis contribuições para ajudas de custo. Vale a pena apostar também na pesquisa de bolsas de estudo disponíveis.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.