Notícias

Estuda numa universidade europeia com o Programa Erasmus+

      
    • O Erasmus+ ajuda-te a fazer frente às despesas de alojamento e alimentação se estudares num país estrangeiro
    • O período de participação no programa não poderá ser inferior a 3 meses nem superior a 1 ano
    • Podem candidatar-se ao Erasmus+ estudantes, docentes, estagiários, voluntários, líderes de organizações juvenis, entre outros

Erasmus+ é um programa da União Europeia para o ensino, formação, juventude e desporto, vigente no período de 2014-2020. Se gostavas de estudar numa universidade europeia poderás candidatar-te até 18 de fevereiro.

Para usufruir do apoio do Programa Erasmus+, na vertente de estudos, o estudante deverá ficar no estrangeiro durante um período consecutivo que não poderá ser inferior a 3 meses (90 dias) nem superior a 1 ano.

Ao inscrever-se neste programa está automaticamente a candidatar-se à bolsa Erasmus que visa financiar a sua viagem e estadia na instituição de acolhimento. O objetivo é fazer frente às despesas de deslocação e subsistência durante o período de mobilidade no estrangeiro.

O aluno poderá usufruir mais do que uma vez da mobilidade Erasmus desde que dentro do mesmo ciclo de estudos não ultrapasse os 12 meses nas diversas ações do programa (mobilidade para estudos/mobilidade para estágio/mobilidade combinada).

Qual é o objetivo do Erasmus+?

O programa Erasmus+ visa desenvolver a Europa do conhecimento a todos os níveis da educação e formação, contribuir para a internacionalização e a excelência do ensino e formação na União Europeia, incentivando a criatividade, a inovação e o espírito empreendedor, e promovendo a igualdade, a coesão social e a cidadania ativa.

Gostavas de estudar no exterior?

Informa-te na Universia

Substitui os anteriores programas da União Europeia no domínio da educação, nomeadamente como o programa 'Aprendizagem ao Longo da Vida' – Erasmus (ensino superior), o Leonardo da Vinci (ensino profissional), o Comenius (ensino básico e secundário), Grundtvig (educação de adultos), entre outros. O Erasmus+ dá também pela primeira vez apoio ao desporto, especialmente ao nível do desporto não profissional.

Que tipo de iniciativas irá o programa Erasmus+ apoiar?

O Erasmus+ pretende aumentar a qualidade e a pertinência das qualificações e competências. Dois terços do financiamento serão utilizados para a concessão de bolsas de estudo a mais de 4 milhões de pessoas, permitindo-lhes estudar, receber formação, trabalhar ou fazer voluntariado no estrangeiro. 

A quem está aberto o Erasmus+?

O Erasmus+ está aberto a estudantes, docentes, estagiários, voluntários, líderes de organizações juvenis e a pessoas que trabalham em organizações de desporto não profissionais.

Como aborda o programa Erasmus+ o desemprego dos jovens?

O Erasmus+ pretende contribuir para combater o desemprego dos jovens, dando-lhes a oportunidade de melhorarem as suas competências-chave, como a proficiência numa língua estrangeira, a comunicação, a adaptabilidade, ou a possibilidade de aprender a viver e de trabalhar com pessoas de diferentes nacionalidades e culturas.

O programa facilita uma melhor cooperação entre as universidades e os empregadores, com vista a garantir que os estudantes beneficiam de currículos relevantes que lhes permitem adquirir as competências exigidas no mundo do trabalho.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.