Notícias

6 conselhos para combater a procrastinação

      
É uma boa ideia perguntares-te o que te está a incomodar para adiares uma tarefa
É uma boa ideia perguntares-te o que te está a incomodar para adiares uma tarefa
  • Existem várias desculpas que os estudantes usam para adiar tarefas: pensarem que o tempo vai “esticar” ou estarem à espera da famosa inspiração.
  • Procrastinar provoca stress e pode levar à frustração.
  • Para evitar estes sentimentos, o melhor é começar a trabalhar nas tarefas o mais cedo possível.

Por várias razões as pessoas tendem a deixar as obrigações para a última hora. A atitude aplica-se a questões de trabalho ou estudo, qualquer tarefa que possa ser adiada será inevitavelmente atrasada pelos que gostam de procrastinar.

A confiança em como não precisamos de tanto de tempo como aquele que nos oferecem para executar uma tarefa, a simples ideia de esperar um momento de inspiração ou apenas a falta de vontade leva os estudantes e trabalhadores a adiar as responsabilidades

Como resultado desta ação muitas vezes nasce na pessoa um sentimento de frustração. A ideia de que com mais tempo a tarefa poderia ter sido melhor organizada é habitual nestes casos.

Vais entrar na universidade?

Procura cursos na Universia

A prática da procrastinação gera trabalhos ou estudos que podiam ter sido executados de melhor forma e pessoas stressadas sem nenhuma necessidade. Portanto, deve ser banida da vida de estudantes e profissionais logo que possível.

A Universidade de Harvard propõe 6 chaves para deixar de procrastinar:

1) Pensar nas consequências

Estar consciente do que poderá acontecer quando tudo é deixado para a última hora vai ajudar a evitar esta atitude. A possibilidade de perder um teste, chumbar uma matéria, desagradar ao chefe ou fazer a empresa perder um cliente deve ser suficiente para rentabilizar o tempo e executar as tarefas da melhor forma possível.

2) Acreditar que é possível começar agora

Acreditar em ti e nas tuas capacidades é vital para que faças as tarefas no momento em que as recebes em vez de as arquivares por um tempo. Deves pensar que quanto mais demorares a iniciá-las, pior ficarás perante os teus colegas e superiores. Se não acreditares nas tuas capacidades muito menos eles acreditarão.

3) Descobrir o que te atrasa

É uma boa ideia perguntar as razões que levam alguém a adiar um trabalho ou estudo, o que está a incomodar para que a tarefa ainda esteja por concretizar. Reconhecer os motivos da demora pode ajudar a mudar o hábito de procrastinar. 

4) Unir a obrigação ao prazer

Não te agrada a ideia de começar uma tarefa? Podes iniciá-la acompanhada com algo que gostes, por exemplo ouvir música ou desfrutar de uma chávena de café. Podes também criar um ambiente agradável para que a sensação de estares a fazer algo que te aborrece desapareça, ajudando à concentração para completar o trabalho que tens em mãos.

5) Minimizar o problema

Se achas que estás a enfrentar um trabalho demasiado complexo vai ser mais difícil iniciá-lo, portanto é necessário minimizar o problema. Com isto não quero dizer que devas subestimá-lo, mas ter clara noção de que se te pediram esta responsabilidade é porque acreditam que és capaz de a cumprir. 

6) Procura um parceiro

Está demonstrado que as equipas se organizam melhor na hora de executar tarefas. Partilhar o trabalho com outra pessoa fará com que coloques mãos à obra mais depressa. Podes também simplesmente encontrar alguém com quem comentes o projeto e te incentive a prosseguir. 

Comparar é também uma ótima ferramenta para colocar um travão no vício de procrastinar, na medida em que cria a ideia de que os outros avançam nas suas responsabilidades enquanto nós ficamos parados.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.