Notícias

6 cursos imprescindíveis sobre gestão de eventos culturais

      
Os cursos de gestão cultural têm uma forte componente ligada ao património
Os cursos de gestão cultural têm uma forte componente ligada ao património
  • Os cursos na área da gestão de eventos culturais permitem formar recursos qualificados para o setor.
  • Os domínios da inovação e empreendedorismo criam-se através do estímulo entre Cultura, Património e Criatividade.
  • As saídas profissionais englobam a função de curador em exposições e eventos, consultor para programação e gestão de projetos culturais, entre outras.

A educação superior e a formação de recursos humanos altamente qualificados na área da gestão de eventos culturais é uma prioridade para o desenvolvimento económico e social do país.

Gostavas de estudar Gestão Cultural?

Procura cursos na Universia

Os cursos neste campo académico pretendem proporcionar uma sólida formação em planeamento, gestão e organização de eventos culturais e artísticos. Para os estudantes que sonham com uma carreira no mundo das artes e cultura aqui ficam 6 sugestões de cursos imprescindíveis sobre gestão de eventos culturais:

1) Gestão Artística e Cultural

Instituto Politécnico de Viana do Castelo

O curso tem como objetivo formar os estudantes de modo a que sejam capazes de aproximar as artes e cultura de um amplo público, reconhecendo a diversidade de expressões culturais, sem esquecer as expressões culturais tradicionais.

No final da formação, deverão ser capazes de estimular, difundir e preservar a cultura, através de eventos e apresentação de produtos artísticos e culturais, efetuando uma gestão adequada dos recursos humanos e financeiros e fortalecendo parcerias com a sociedade civil, as organizações não governamentais e o sector privado.

2) Ciências da Cultura

Universidade da Beira Interior

O Curso de Ciências da Cultura, em sintonia com as recomendações do Memorando da UNESCO para a sua promoção, assume como objetivo primeiro e primordial criar valor e dar aos seus alunos uma sólida formação teórica interdisciplinar, articulando para o efeito áreas científicas diversas, com orientação precisa: integrar os indispensáveis saberes tradicionais com os desafios das novas humanidades.

O curso visa formar profissionais para trabalhar na produção, gestão cultural e assessoria em projetos ou instituições, públicos e privados, de relevância cultural; produção e difusão de eventos culturais; gestão de bens e serviços culturais; criação e investigação cultural; turismo cultural e crítica de arte e jornalismo cultural. 

3) Licenciatura em Gestão Turística e Cultural

Instituto Politécnico de Tomar

O Curso de Gestão Turística e Cultural, da Escola Superior de Gestão de Tomar tem uma missão muito relevante na estrutura do Instituto Politécnico de Tomar, nomeadamente na área de formação teórica e prática nos domínios da Economia do Lazer e do Turismo, do Património, das Atividades Culturais e da Economia da Cultura.

São objetivos centrais do modelo de ensino-aprendizagem, o fornecimento de competências integradas focadas em planeamento e gestão de recursos turístico-culturais, na organização de eventos e empreendimentos, no desenvolvimento de produtos turísticos, no planeamento turístico regional e local, no marketing e na gestão de destinos turísticos.

4) Animação e Produção Cultural

Escola Superior Artística do Porto

O perfil formativo do animador e produtor cultural abre oportunidades de exercício profissional em domínios e contextos diferenciados, nomeadamente: Fundações; Associações e Instituições Culturais e Artísticas; Empresas de Programação e Produção Cultural e Artística; Instituições de Gestão Cultural e de Gestão do Património; Associações de Desenvolvimento Local e Comunitário.; Autarquias.; Organizações Não Governamentais.; Estabelecimentos Escolares.; Instituições Particulares de Solidariedade Social.; Serviços Regionais do Ministério da Juventude.; Museus.; Galerias e Ateliers de Arte.; Teatros.; Ludotecas.; Bibliotecas.; Parques Ambientais.; Oficinas de Tempos Livres e Empresas de Animação de Tempos Livres e de Turismo Cultural.

5) Gestão Cultural

Universidade da Madeira

O grau de mestre em Gestão Cultural é conferido aos que demonstrem, além das competências genéricas implicadas na formação superior, competências específicas como apresentar e desenvolver os principais conceitos e técnicas necessários para o desenvolvimento e gestão das organizações culturais das áreas do património, das atividades artísticas e das indústrias culturais, com base numa formação avançada e multidisciplinar em gestão cultural.

Os estudantes deverão também, entre outras competências, ser capazes de promover novas competências profissionais através da combinação dos conhecimentos da gestão com os do setor cultural e da comunicação aplicada; ser capaz de criar, conceber e avaliar situações de inovação na Cultura no contexto do funcionamento dos sistemas individualizados ou integrados em rede e também devem estar aptos a estimular o empreendedorismo, em particular, no sentido de criação de novas saídas profissionais.

6) Mestrado em Gestão Cultural

Universidade do Algarve

O Mestrado em Gestão Cultural pretende formar profissionais altamente qualificados em gestão, administração e mediação cultural, que possam trabalhar em papéis de liderança no âmbito público ou privado, tanto de projetos generalistas como em projectos mais específicos em diversos sectores, tais como: audiovisual, artes do espetáculo, serviços patrimoniais ou artes visuais.

O objetivo principal é proporcionar uma formação universitária com nível superior de exigência, tanto metodológico, como temático, sobre as tendências e percursos da gestão cultural na atualidade.

Saber fazer e saber pensar é fundamental em todas as profissões, mas na área cultural onde a base de conhecimentos deverá ser muito ampla, a capacidade de reflexão sobre o que nos rodeia assume ainda mais importância.

Se estás a pensar seguir uma licenciatura em gestão cultural e vais entrar no primeiro ano de faculdade não percas também estes conselhos para sobreviver a esta nova etapa da tua vida.

Conselhos para sobreviver ao primeiro ano da universidade

Infografia: Conselhos para sobreviver ao primeiro ano da universidade

Apresentamos as chaves para que o estudante possa sobreviver a esta nova fase da vida e entrar com o pé direito no primeiro ano da universidade.

Inscreva-se e baixe este infográfico gratuitamente



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.