Notícias

3 tipos de trabalho que beneficiam com a automatização

      
Os empregos estão a mudar com a chegada da automatização
Os empregos estão a mudar com a chegada da automatização
  • Novas áreas de trabalho ligadas à criatividade e emoções vão ser mais importantes numa economia em rápida mutação.
  • As empresas precisam deixar de ver os funcionários como um custo para reconhecê-los como um ativo capaz de criar um valor de expansão constante.
  • A tecnologia pode dar-nos a oportunidade de nos concentrarmos no trabalho e nas atividades que nos ajudarão a alcançar cada vez mais o nosso potencial.

Com a automatização não está em risco apenas o trabalho manual pouco qualificado, mas também postos de "conhecimento", como a análise operativa e o marketing, que são substituídos por sofisticados algoritmos de inteligência artificial.

Mas outras mudanças também estão a ocorrer e podem permitir que a dimensão humana do trabalho seja mais importante. Embora seja verdade que a tecnologia está a assumir as tarefas rotineiras de muitos trabalhadores, também está a redefinir muitas tendências de oferta e procura que impulsionam os mercados globais. Esta segunda mudança impulsionada pela tecnologia pode impedir que a automatização elimine os postos de trabalho, mas uma coisa é certa: os empregos vão mudar.

Como a tecnologia está a remodelar os mercados

Do ponto de vista da procura, a tecnologia fornece aos clientes mais poder do que nunca: temos muito mais informações sobre as opções disponíveis e a possibilidade de alternar muito mais facilmente de um fornecedor para outro se as nossas necessidades não forem atendidas. Muitos de nós também nos tornamos mais exigentes: estamos cada vez menos dispostos a contentarmos-nos com produtos padronizados e de mercado de massa, quando é muito mais fácil encontrar os produtos de nicho que atendam às nossas necessidades e contexto específicos.

Está à procura de um estágio?

Descubra na Universia

Além disso, surgem os chamados modelos de preços fundamentados no uso, em que se paga apenas pelo uso real do produto ou serviço, o que é mais viável graças à tecnologia que pode controlar a utilização. Por exemplo, algumas empresas agora permitem que os consumidores paguem o seu seguro do carro ao kilómetro, usando um pequeno dispositivo sem fios conectado à porta de diagnóstico de um carro, o que torna o seguro contra todos os riscos económico para motoristas que conduzam pouco e os clientes que conduzem mais não são penalizados.

Como mudará o nosso trabalho?

Como consequência, a natureza do trabalho provavelmente sofrerá uma profunda transformação em duas frentes. Em primeiro lugar, as máquinas assumirão cada vez mais as tarefas rotineiras que definem o trabalho num mundo padronizado de produtos do mercado de massa. Em segundo lugar, a única maneira de criar valor num mundo de produtos mais diferenciado e em rápida mudança será redefinir o trabalho num nível fundamental para focar as capacidades claramente humanas, como curiosidade, imaginação, criatividade e inteligência emocional e social.

1) Artesãos

Primeiro, haverá mais negócios para os Criadores preverem as necessidades em constante evolução de clientes individuais e projetar e fornecer produtos e serviços criativos e altamente personalizados. Em muitos aspectos, notaremos o ressurgimento de empresas artesanais que já estão a nascer em áreas como a cerveja e o chocolate. Estas poderiam permitir que cada vez mais pessoas pudessem ganhar dinheiro com os seus hobbies, como carpintaria e tricot, conectando-se com os clientes de uma maneira muito mais profunda e duradoura.

2) Criadores de experiência

Em segundo lugar, vai destacar-se uma categoria crescente de trabalho para os criadores de experiência, pessoas que compreendem profundamente as aspirações e necessidades de pequenos nichos de clientes e que podem compor experiências atraentes e recompensadoras para essas pessoas. Esta categoria crescerá e vai tornar-se cada vez mais gratificante à medida que os clientes mudarem o seu foco para em vez de desejarem possuir produtos físicos procurarem experiências significativas e memoráveis. Estas experiências podem variar de passeios por galerias de arte ou jardins num bairro, até experiências interativas que nos ajudam a conectar com os outros de maneiras mais ricas e profundas. Por exemplo, um trabalhador da madeira poderia organizar uma reunião de carpinteiros para partilhar as suas experiências e inspirarem-se uns aos outros.

3) Coach

Por fim, veremos uma terceira categoria de trabalho para a área do coaching que ajudará os clientes a alcançarem mais potencial em várias áreas. Por exemplo, existe um número crescente de pessoas dedicadas ao"bem-estar" que nos ajudam a permanecer saudáveis e a melhorar o nosso desempenho físico. Mas à medida que procuramos alcançar mais do nosso potencial, é provável que vejamos uma gama crescente de coaching em áreas tão diversas como o namoro e relacionamentos, viagens, entretenimento, assuntos financeiros e aprendizagem ao longo da vida.

Biotecnologia: A medicina do futuro

Biotecnologia: A medicina do futuro

A Biotecnologia é atualmente um dos setores profissionais com maior previsão de crescimento no mercado de trabalho.

Inscreva-se e receba este eBook gratuitamente



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.