Notícias

Investigação em dor dá prémio a especialistas da Universidade do Minho

      
Foto: Universidade do Minho
Foto: Universidade do Minho
A investigação 'Eficácia da associação de carbamazepina com o bloqueio analgésico periférico com ropivacaína no tratamento da nevralgia do trigémio' da autoria de Laurinda Lemos, Pedro Oliveira, Sara Flores e Armando Almeida, foi premiado pela Fundação Grünenthal com 7500 euros.

“Neste trabalho, é demonstrado que a associação do tratamento tradicional com carbamazepina ao bloqueio analgésico periférico com ropivacaína nos pontos-gatilho da dor nesta nevralgia melhora significativamente o controlo da dor na nevralgia do trigémio, uma das patologias mais dolorosas que afectam o Homem”, referem o investigador Armando Almeida e a médica Laurinda Lemos, elementos da equipa do Instituto de Investigação em Ciências da Vida e Saúde (ICVS) e do ICVS/3B's - Laboratório Associado da Universidade do Minho, da qual fazem também parte Pedro Oliveira e Sara Flores.

A nevralgia do trigémio (NT) é um dos casos mais dramáticos para o paciente, já que é caraterizada por períodos de dor muito intensa na face (área enervada pelo nervo trigémio), que surgem muitas vezes ao simples tocar na face, ao mastigar ou ao falar, tornando desgastante o dia-a-dia dos doentes.

O principal fármaco utilizado no controlo desta dor é um anti-epiléptico, a carbamazepina, que apresenta diversos efeitos secundários adversos.

Dor neuropática afecta 10 por cento da população

O tratamento da dor crónica neuropática, causada por lesão dos nervos ou do sistema nervoso central, afeta pelo menos 10% da população portuguesa e é de muito difícil tratamento com analgésicos clássicos e opióides (morfina).

Os Prémios Grünenthal Dor contemplam um valor pecuniário total de 15 mil euros, distribuídos pelo Prémio de Investigação Clínica Prémio de Investigação Básica.

Este último foi atribuído ao trabalho “Papel da noradrenalina na facilitação da dor no encéfalo: estudos em modelos de dor crónica”, da autoria de Isabel Martins, Deolinda Lima e Isaura Tavares, investigadoras da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto/Instituto de Biologia Molecular e Celular (FMUP/IBMC).

Criado em 1999, o Prémio Grünenthal Dor é o de mais alto valor anualmente distribuído em Portugal, no âmbito da investigação em dor.

A Fundação Grünenthal é uma entidade sem fins lucrativos que tem por fim a investigação e a cultura científica na área das ciências médicas, com particular dedicação ao âmbito da dor e respectivo tratamento.

Membrana biodegradável para tratar a periodontite

O projeto Guidance - Guided Periodontal Tissue Regeneration, em desenvolvimento por uma equipa de investigadores da Universidade do Minho e estudantes MBA da EGP - University of Porto Business School (UPBS) foi apresentado recentemente na sessão de encerramento do Programa COHiTEC, promovido pela COTEC Portugal-Associação Empresarial para a Inovação.

O projeto Guidance apresenta uma nova resposta à periodontite, doença inflamatória crónica que afeta 15% da população mundial adulta e que é a principal causa da perda de dentes.

Os cientistas minhotos, integrados no centro de investigação 3B’s criaram uma membrana implantável biodegradável, baptizada ‘Perio-GuiDance’, que, colocada entre a raiz do dente e o osso, ajuda na recuperação do ligamento periodontal.

A membrana fornece uma barreira perfeita para células indesejáveis e permite, ao mesmo tempo, a passagem de nutrientes e gases benéficos.

A ‘Perio-GuiDance’ permite a libertação local de medicamentos para o controlo das infecções.

Albino Martins, um dos membros da equipa de investigadores, garante que a inovadora membrana apresenta um alto desempenho na redução da inflamação periodontal, é de fácil aplicação e permite reduzir o temp da intervenção cirúrgica.

A equipa necessita de um investimento de 13,7 milhões de euros e esperar entrar no mercado com a nova membrana em 2020.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.