Notícias

Estudantes: como deixar a preguiça de lado

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Sente-se frequentemente indisposto? Passa o dia sentado no sofá enquanto podia praticar alguma atividade física? Se esse é o seu caso, saiba que a principal causa para essas atitudes é a preguiça: um hábito que é programado no cérebro e aplicado à própria rotina.

 

Leia também:
» 3 formas de mudar os seus hábitos e tomar decisões melhores
» Saiba em quanto tempo criamos hábitos
» 5 hábitos que deve evitar para ser mais eficiente

 

No geral, as pessoas preguiçosas adiam constantemente as suas tarefas, como ler um livro, ou terminar algum projeto no trabalho, por exemplo. No entanto, na maioria das vezes, o hábito da preguiça é involuntário: muitos profissionais tentam lutar contra essa tentação de não fazer nada, mas não conseguem, mesmo sabendo que mais dia menos dia vão acabar por se arrepender.

 

Veja algumas dicas que podem ajudá-lo a acabar de uma vez por todas com a tentação de ser preguiçoso:

 

1- Não adie as tarefas mais importantes

Dê prioridade àquelas tarefas que o deixam mais motivado durante o dia. Não adie aquilo que lhe dá mais prazer como, por exemplo, praticar um desporto. Evite preencher o seu dia inteiro com atividades insignificantes, apenas para ter a falsa sensação de estar ocupado com alguma coisa. Afinal, não se trata de um hábito saudável que lhe vai trazer a sensação de felicidade perante a sua rotina.

2- Não perca tempo

Pergunte a si mesmo quanto tempo tem para cumprir as suas metas. De seguida, estabeleça um prazo a si mesmo para as cumprir. Por exemplo, se está a planear realizar algum projeto em 2015, imagine que só terá um ano para o conquistar. Com esta atitude, as suas prioridades tornam-se urgentes, e assim terá menos hipóteses de as adiar.

3- Utilize mais as suas manhãs

Na parte da manhã, o cérebro está muito mais descansado do que à noite. Isso deve-se ao facto de manhã a sua mente ainda não ter sido bombardeada com informações, e de se encontrar num estado mais calmo e relaxado. É precisamente nesse momento que a sua produtividade será maior, portanto, esta é a parte do dia em que deve aproveitar mais. O segredo para fazer as manhãs renderem é deitar-se cedo e acordar cedo.

4- Reflita sobre o seu progresso

No final do dia, procure reservar alguns minutos para ter um feedback sobre o seu próprio progresso no que se refere à mudança de hábitos. Pergunte-se: “eu consegui superar minha preguiça hoje?”; “como é que eu posso melhorar?”; em que momentos adiei tarefas e fui preguiçoso?”. Estas perguntas poderão ajudá-lo e muito.

A preguiça pode ser extremamente prejudicial para a saúde, pois estimula o sedentarismo e diminui o gasto de energia. É importante que tenha a consciência de que tanto a energia mental como a energia física têm o mesmo grau de importância para a qualidade de vida.

 



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.