text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Especial

Geriatria Sem Segredos é tema da 11ª Edição do Congresso do Hospital Veterinário Montenegro

      
Dr. Luís Montenegro, director clínico do Hospital Veterinário Montenegro
Dr. Luís Montenegro, director clínico do Hospital Veterinário Montenegro

Tendo em consideração que os animais de companhia entram numa idade avançada por volta dos 7 anos, a geriatria ganha particular destaque na actualidade porque os animais de companhia já têm uma esperança média de vida que ultrapassa os 12 anos de vida.  Com o alcance de uma idade mais avança tende a surgir a manifestação de doenças degenerativas resultantes da falência dos órgãos. Tal como nos humanos, é nesta fase que o paciente mais necessita de ajuda.

O diagnóstico e tratamento dos animais de companhia têm sofrido uma grande revolução nos últimos anos. Enquanto que até meados dos anos 80 o dono levava o seu animal idoso ao médico veterinário já com uma patologia evidente, onde o objectivo era muitas vezes o tratamento para a sobrevivência, hoje em dia o panorama regista alterações. As pessoas têm vindo a ganhar consciência para a importância do diagnóstico precoce conseguido através do acompanhamento médico veterinário mais continuo, em detrimento da recorrência ao veterinário apenas em situações de perigo de saúde limite.

Alguns dos motivos que justificam a chegada dos  animais de companhia a uma idade geriátrica:

- avanços da medicina veterinária;

- desenvolvimento de medicamentos por parte da industria farmacêutica;

- crescimento do ramo pet que coloca à disposição dos donos uma vasta gama de produtos que potenciam o alcance de qualidade de vida dos animais na idade geriátrica;

Acima de tudo, evidencia-se o crescente interesse dos donos em fazer os possíveis e impossíveis para prolongar a vida dos seus animais, que resulta do aumento da interacção dos animais de companhia com a família. Os donos estão cada vez mais conscientes da necessidade de cuidados veterinários adequados e cada vez questionam mais os veterinários sobre cuidados a ter no envelhecimento do animal:

"Qual a alimentação que o meu cão deve seguir numa idade mais avançada? Quais as doenças e sintomas para os quais devo estar mais alerta no animal idoso? Treinar animais idosos é possível? Devo incentivar o exercício físico do meu animal?"

Gerar um conhecimento mais aprofundado da classe veterinária sobre a geriatria torna-se assim pertinente e este é o principal objectivo do Congresso "Geriatria Sem Segredos" - onde especialistas de renome nacional e internacional vão partilhar o conhecimento científico mais actual sobre o tema de forma a fortalecer o sucesso da oferta de serviços na área.

Os veterinários participam neste congresso procurando estar sempre a par da melhor forma de reduzir, retardar e tratar doenças causadas pelo envelhecimento, contudo o papel do veterinário não pode ser isolado para ter sucesso: é necessário o envolvimento dos donos.

 

Leia a entrevista Universia ao director clínico do Hospital Veterinário Montenegro (HVM), Dr. Luís Montenegro.



Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.