text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Universidade Europeia debate importância do turismo e do desporto para a competitividade da economia nacional

      
Adolfo Mesquita Nunes, Secretário de Estado do Turismo, João Cotrim de Figueiredo, Presidente do Turismo de Portugal, José Roquette, Administrador do Grupo Pestana, Frédéric Frère, CEO da Travelstore, e Maria Graça Carvalho, Deputada do Parlamento Europeu são algumas das personalidades que vão participar na II TOURISM, HOSPITALITY & SPORTS WEEK, a decorrer entre 3 e 5 de abril, na Universidade Europeia, em Lisboa.

Na sessão de abertura, no dia 3, quinta-feira, serão debatidos temas como o turismo e internacionalização da economia portuguesa, a competitividade e a digitalização do turismo e o futuro da distribuição. Será também apresentado nesse dia, um projecto de investigação da Universidade Europeia, elaborado em parceria com o Forum Turismo 2.1., que pretende analisar a evolução dos padrões de consumo e do processo de decisão de compra de produtos turísticos.

Ao longo da semana, a Universidade Europeia - que pertence à Laureate International Universities, o maior grupo mundial de ensino superior – irá oferecer um programa de actividades e seminários dirigidos aos diferentes atores da indústria do turismo e do desporto, promovendo o contacto directo entre empresas, profissionais, empreendedores, docentes, estudantes e público em geral. “O objectivo desta semana é proporcionar um espaço onde importantes personalidades da sociedade civil irão aprofundar e debater a contribuição do desporto na sociedade portuguesa, bem como a sua participação na promoção a imagem do país, desempenhando um papel inegável na internacionalização da nossa economia nacional.

Pretendemos também integrar neste programa uma visão intersectorial entre o Desporto e o Turismo, como forma de valorização e afirmação de marca Portugal”, afirma Nelson Santos de Brito, director-geral da Universidade Europeia. Estudo “Digitalização do Turismo – Novos desafios de mercado para as agências de viagens” O estudo da Universidade Europeia destina-se a apresentar as novas perspectivas dos consumidores e das agências de viagens. As conclusões revelam a importância da rede de familiares e amigos na escolha dos destinos de férias, o peso da Internet na pesquisa e planeamento das viagens e a preferência dos inquiridos pelas viagens de lazer e visita a amigos e familiares. Outro dado de relevo – considerando os níveis de rendimento anual – é a percentagem alocada para viagens de férias que diminui à medida que estes níveis de rendimento aumentam. Este estudo foi coordenado por três docentes da Universidade Europeia – Cristiana Oliveira, Adriaan De Man e Sérgio Guerreiro.


    Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.