Notícias

Sampaio quer alterar modelo de desenvolvimento do país

      
Jorge Sampaio lamenta que as empresas portuguesas "ainda empreguem poucos doutorados e cientistas".

As declarações de Jorge Sampaio, num tom muito incisivo, foram proferidas após deslocar-se à Universidade de Oulu, no último dia da sua visita oficial à Finlândia.

O chefe de Estado português confessou ter ficado "impressionado com a atmosfera" de uma universidade dedicada à investigação científica e tecnológica e que é considerada uma das melhores da Europa e do mundo.

A Universidade de Oulu tem um orçamento anual de 189 milhões de euros, sendo cerca de 30 por cento desta quantia suportada por empresas da região, entre as quais a Nokia, gigante no mercado de telecomunicações.

Segundo o Presidente da República, a Finlândia "constituiu um exemplo claro de como um país médio da União Europeia conseguiu mudar o seu padrão de exportações, após ter atravessado uma grave crise económica no início dos anos 90".

"Mesmo os sectores nacionais com exportações tradicionais têm de começar a incorporar outras mais valias. O modelo da exploração da mão de obra barata e não qualificada está acabado", salientou o Presidente da República.

"Como aconteceu em Oulu e um pouco em toda a Finlândia, o futuro de sucesso está na existência de sólidas ligações entre as universidades e as empresas", acrescentou.

Antes de regressar a Portugal, o Presidente da República visitou uma das mais sofisticadas fábricas da Nokia, especializada na produção de micro-chips.

Sobre os três dias de visita oficial à Finlândia, Jorge Sampaio congratulou-se por os dois países terem apresentado pontos de vista comuns em matérias como a reforma institucional e o alargamento da União Europeia.

"Julgo que a minha visita também serviu para consolidar as relações bilaterais e para impulsionar o investimento finlandês em Portugal", referiu o Presidente da República.
  • Fonte:

Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.