text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

4 erros que te podem custar o emprego

      
imagen-relacionada
Foto: Shutterstock.com

 

Em momentos de crise, a ideia de perder o emprego assusta. O senso-comum diria que a chave para conservar o trabalho é cumprir bem com as obrigações. A má notícia é que não chega fazer apenas isso, nem horas extras. Podes ser demitido por outras razões, como por exemplo ser arrogante, ser “invisível” aos olhos do chefe ou não atingir as metas esperadas. Na hora de diminuir a equipa, quem fica é aquele que sabe lidar com os conflitos e gerar empatia.

 

» Como encontrar emprego numa cidade distante
» 5 dicas do Recrutador do Google para encontrar um emprego
» Os 25 erros mais comuns nas entrevistas de emprego

 

Fica a conhecer 4 erros que te podem custar o emprego:

 

 

1- Eternamente doente

É importante que não trabalhes e descanses quando estás doente, mas faltar demasiadas vezes é pedir para ser despedido. Se faltas num dia pouco propício, o chefe sentirá a tua falta e perceberá que andas a faltar muito. Como consequência, ficarás, de facto, bastante livre porque poderás ser despedido.

 

 

2- Empregado anónimo

As pessoas que evitam falar com os colegas, fogem dos aniversários, almoçam sozinhos e detestam comunicar dificilmente são bem-vistos, seja pela empresa, seja pelo chefe. Assim, este tipo de colaborador nunca é designado para cargos estratégicos e será o primeiro a perder o emprego se houver um corte. A razão disto é que são invisíveis para o grupo, ninguém sentirá a sua falta.

 

 

3- Arrogância

Não há problema nenhum em te venderes para ocupar um certo cargo – aliás, é isso que é aconselhável. Mas atenção: há uma diferença entre promoveres-te e sentires que és o único especial e com boas ideias na empresa. A arrogância pode somar pontos para seres despedido. E nem penses em pedir um aumento em época de cortes. Enquanto a empresa está a despedir pessoas, sugerires um salário maior mostra que não tens critérios. Por fim, não caias no erro de te sentires insubstituível, como por exemplo, aqueles que desafiam ou não prestam atenção às ordens dos chefes, por se considerarem os únicos que sabem realizar tal função. Não caias neste erro.

 

 

4- Lealdade

É nas horas difíceis que descobrimos o caráter das pessoas. O mesmo se aplica ao trabalho. É impossível ser um funcionário perfeito. Numa altura ou noutra cometerás algum erro. Portanto, toma cuidado com aqueles – ou não sejas um desses - que têm dificuldade em admitir os equívocos ou, pior ainda, culpam os outros. Se agires sem ética, estás mesmo a pedir para seres despedido.

 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.