text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

CCISP recebe em Lisboa a 25.ª Conferência Anual da Associação Europeia de Ensino Superior

      
Foto: CCISP
Foto: CCISP

O Conselho Coordenador dos Institutos Superiores Politécnicos (CCISP), a European Association of Institutions in Higher Education (EURASHE) e a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL) organizam a 25.ª conferência anual, que decorre nos próximos dias 16 e 17 de abril. Este evento, o maior a nível europeu que reúne instituições de ensino superior com uma oferta de ensino de cariz profissionalizante, realiza-se na ESTeSL e contará com cerca de 200 participantes de toda a Europa.

O tema em destaque será “Professional higher education more relevant than ever – challenges for the future”, e foca-se na forte relevância do ensino superior de cariz profissionalizante, como pilar essencial na sociedade e na economia, no desenvolvimento futuro da sociedade, na Europa e no mundo. A EURASHE representa as instituições europeias de ensino superior com oferta de cariz profissionalizante e investigação nesta área, quer sejam associações nacionais, como o CCISP, ou individuais (como universidades e universidades de ciências aplicadas – congéneres dos politécnicos portugueses), assim como associações profissionais ou outras organizações ligadas ao ensino superior, contabilizando ao todo mais de mil associados de todo o mundo.

Do lado do CCISP, a organização é liderada por Armando Pires, diretor de Relações Internacionais do CCISP. «Estamos a falar de um evento importantíssimo que assinala os 25 anos desta conferência, uma iniciativa fundamental para a discussão e partilha de estratégias e ideias acerca do ensino superior, alinhando caminhos e percebendo como as instituições podem crescer e afirmar-se nos seus países de origem, na Europa e no mundo», explica o professor Armando Pires.

A EURASHE considera que, embora vivendo em contextos diferentes, as instituições de ensino superior com formação de cariz profissionalizante enfrentam desafios semelhantes. São organizações abertas, que se ajustam aos desenvolvimentos da sociedade, não só de forma reativa, mas também como trendsetters e key players na inovação em áreas críticas da estratégia institucional: governança, educação, investigação, desenvolvimento, empregabilidade.

«São players essenciais na busca de novas soluções para os problemas atuais, desenvolvem relações estratégicas com os seus stakeholders e são consideradas como cocriadores. As instituições de ensino superior de cariz profissionalizante têm claramente o seu perfil definido. A ambição de serem altamente relevantes nas áreas críticas da estratégia institucional demonstra gestão forte e inteligente, como um meio para a qualidade e abertura para a sociedade globalizada», salienta a EURASHE.

Os trabalhos decorrerão principalmente nos dias 16 e 17 de abril, antecedidos por masterclasses que irão abordar aspetos de grande relevância para o ensino superior, como a implementação do controlo interno das instituições, cooperação e implementação de um sistema de work-based learning, e que decorrerão no dia 15 de abril.

Esta Conferência contará com a presença de várias personalidades ligadas ensino superior de cariz profissionalizante, como o belga Adam Tyson, responsável pela Unidade de Ensino Superior e Erasmus da Comissão Europeia; o cipriota Andreas Orphanides, presidente da EURASHE e da European Quality Assurance Register for Higher Education (EQAR), de que é associada a Agência de Avaliação e Acreditação do Ensino Superior (A3ES); a canadiana Denise Amyot, responsável pela World Federation of Colleges and Polytechnics; e, de Portugal, Joaquim Mourato, presidente do CCISP, e profissionais e representantes de universidades e politécnicos portugueses e europeus. No evento estará também presente José Ferreira Gomes, secretário de Estado do Ensino Superior, que integrará a sessão de abertura da conferência, com Joaquim Mourato e Andreas Orphanides, no dia 16, pelas 10h00.

Armando Pires recorda que «a primeira conferência anual da EURASHE realizou-se precisamente em Portugal, em Setúbal, e é com muita honra que recebemos novamente este evento no ano em que comemora 25 edições, 25 anos de debate e trabalho em prol do desenvolvimento do ensino superior de cariz profissionalizante».

O programa da 25.ª Conferência Anual da EURASHE pode ser consultado aqui. 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.