text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Saiba que erros não cometer ao aprender um novo idioma

      
Fonte:Shutterstock
Fonte:Shutterstock

Devido à grande importância de se saber outros idiomas dentro do mercado de trabalho, muitas pessoas dedicam-se a aprendê-los. Hoje em dia, a maioria opta pelo inglês e, assim que acredita ter uma boa fluência, começa a aprender outra língua. No entanto, deve ficar atento para não cometer alguns erros que podem prejudicar o seu processo de evolução. A saber:

 

Leia também:
» Estudantes: como causar uma boa impressão aos seus professores
» Professor: aprenda a desenvolver os seus alunos no âmbito pessoal e profissional
» Os melhores Ted Talks para refletir sobre o atual padrão de ensino

 

1 – Pensar que ir às aulas é o suficiente

Embora os professores e as atividades executadas na sala de aula sejam de extrema importância, limitar-se a frequentar o curso de idiomas não é o suficiente para aprender. Aproveite para estudar em casa e para levar as suas dúvidas para a aula. Só praticando conseguirá dominar as regras gramaticais e o novo vocabulário.

 

2 – Limitar-se ao material da aula

Os materiais didáticos que o professor oferece são apenas uma base para que consiga desenvolver a sua aprendizagem, de modo que deve encontrar outros veículos para treinar o novo idioma, como ler livros, assistir a programas de televisão, prestar atenção às letras de música e até mesmo jogar vídeo jogos com as instruções na língua que está a aprender. Conciliando o novo idioma com atividades do seu interesse aprenderá vocabulários mais ligados ao seu quotidiano, além de se sentir mais motivado a estudar.

 

3 – Não usar o idioma no seu dia-a-dia

É normal que evite falar ou escrever na nova língua por vergonha ou por acreditar que ainda não tem os conhecimentos suficientes. No entanto, é essencial que pratique o seu vocabulário no seu dia a dia para que comece a familiarizar-se com ele. Por isso, crie oportunidades para o usar: convide os seus amigos para assistir a alguns filmes do país falante da língua em questão ou faça amizade na internet com nativos do país ou de países em que se fale o idioma.

 

4 – Associar a aprendizagem a fazer muito esforço

Apesar de ser uma atividade que exige dedicação da parte do estudante, aprender não é necessariamente equivalente a horas e horas de repetições entediantes. Como está a fazer um curso de férias, a ideia é justamente fazer o oposto, isto é, adquirir novos conhecimentos de uma maneira leve e divertida. Por isso, tente encarar as aulas com a mente aberta para aprender e, se se sentir desmotivado a continuar, tente reverter a situação trazendo uma atividade relacionada com alguma coisa que gosta para a sala de aula.

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.