text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Ensino Superior Público: os Estabelecimentos Mais Baratos em Portugal

      
O valor das licenciaturas tem apresentado uma tendência de aumento
O valor das licenciaturas tem apresentado uma tendência de aumento
    • O custo de financiamento não está apenas inerente ao valor das propinas
    • O alojamento e a alimentação também devem ser ponderados nas contas finais
    • Existem também outros pagamentos a realizar como a taxa de inscrição e o seguro escolar

Na década de 90, tirar um curso superior em terras lusitanas custava cerca de 200 euros por ano (bem longe do valor que agora é praticado). Passados uns anos, em 2003, o valor das licenciaturas atingiu os 800 e 900 euros por ano, tendo até aos dias de hoje acompanhado essa tendência de aumento.

Para apurar as informações relativas aos preços mais baixos que existem no ensino superior português, até porque muitos jovens estão neste momento a decidir o futuro, a plataforma gratuita de simulação de produtos financeiros ComparaJá.pt recorreu aos dados mais atuais e respetivos estabelecimentos de ensino.

Há que ter em conta, contudo, que o custo de financiamento não está somente inerente ao valor das propinas em si, existindo outros valores, como são os casos do valor da taxa de inscrição e muitas vezes o seguro escolar.

Traços Gerais

      •  Em Portugal, o ensino é bem mais acessível nos Politécnicos relativamente às Universidades, cujo valor anual da propina é, na maior parte dos casos, superior a 1000 euros por ano.
      • Os Politécnicos que apresentam um valor de propina mais baixo são, por ordem crescente, o Politécnico do Cávado e Ave e de Beja - 780 euros por ano - e o Politécnico de Bragança, cujo valor do presente ano letivo está na casa dos 810 euros.

Preço de Alimentação e Alojamento - Politécnicos

Não é o valor da propina que se torna incomportável, mas sim todos os gastos associados ao curso. Imaginemos o caso de um aluno que está deslocado da sua residência e, uma vez deslocado, vai necessitar de usufruir dos serviços de cantina e alojamento providenciados pelo estabelecimento.

Na tabela abaixo estão patentes todos esse gastos nos três Institutos Politécnicos mais baratos do país:

No politécnico de Beja, o custo médio de refeições diárias é de 6,40 euros, o que, se forem contabilizados 22 dias úteis por mês, dá uma despesa de 140,80 euros por mês

Relativamente ao alojamento, foi presumido sempre o valor que um aluno não bolseiro paga por mês que, em Beja, é de 120 euros mensais. Em suma, a acrescer aos 780 euros da propina anual tem de adicionar-se o valor da alimentação, 140,80 euros, e do alojamento, 120 euros por mês. Partindo do pressuposto que os alunos têm dois meses de férias (julho e agosto), para calcular o custo anual inerente às propinas, alimentação e alojamento, deve ter-se em conta:

      •  780 euros de propina anual;
      • 140,80 euros pela alimentação mensal (na cantina);
      •  120 euros de alojamento.

Ora:[(140,80 + 120) x 10 + 780] x 3 = 10 164 euros, que corresponde ao valor total da licenciatura.

Ou seja, os 10 164 euros será aquilo que se paga caso se frequente durante 3 anos uma das licenciaturas do Instituto Politécnico de Beja. Este valor ainda não abrange as despesas de carácter pessoal, transportes e lazer.

Se as contas forem feitas anualmente, para estudar no IPBeja, teriam de ser desembolsados qualquer coisa como 3 388 euros.

No Politécnico do Cávado e Ave, teríamos:

      • 780 euros de propina anual;
      • 105,60 euros pela alimentação;
      • 125 euros em alojamento.

Mais uma vez, o cálculo seria:[(105,60 +125) x 10 + 780] x 3 = 9 258 euros pela licenciatura. Por ano, o custo para frequentar qualquer curso no Instituto Politécnico do Cávado e Ave seria de 3 086 euros.

Relativamente ao Politécnico de Bragança, os valores a ter em conta seriam os seguintes:

      • 810 euros de propina anual;
      • 110 euros pela alimentação;
      •  75 euros de alojamento.

O que iria resultar em:[(110 +75) x 10 + 810] x 3 = 7 980 euros pela licenciatura.

Então, se o valor pelos três anos da licenciatura são 7 980 euros, se for dividido pelos três anos, seriam gastos 2 660 euros por ano para frequentar o Politécnico. Inicialmente de acordo com o que se conseguiu apurar, tudo apontava para que o Politécnico do Cávado e Ave fosse o estabelecimento mais barato. No entanto, chegou-se à conclusão que afinal é o Politécnico de Bragança o estabelecimento mais em conta, quer a nível de propinas, quer de alimentação e alojamento.

Ainda não decidiste que curso superior gostarias de frequentar?

Procura na Universia

Cursos Mais Baratos no Politécnico de Bragança

De acordo com o que foi apurado, e sendo o Politécnico de Bragança o mais em conta para todas as carteiras, algumas das áreas que oferecem os valores acima são: engenharias, ciências biomédicas, gestão, línguas estrangeiras, design & multimédia, marketing, entre outros.

Mas como ficam os preços das licenciaturas das Universidades nesta equação?

Preço de Alimentação e Alojamento - Universidades

No quadro acima estão expostas as instituições mais baratas entre o espectro das Universidades públicas do país.

Fazendo os mesmos cálculos que foram efetuados para os Politécnicos, nomeadamente a Universidade do Porto:

      • 1002 euros de propina anual;
      • 112,20 euros pela alimentação;
      • 225 euros de alojamento.

Com esses valores, pode inferir-se que:[(112,20 + 225) x 10 + 1002) x 3] = 13 122 euros pela licenciatura.

Isto significa que o valor anual de uma licenciatura na UP, já incluídas despesas de alimentação e residência, seria de aproximadamente 4 374 euros.

No caso da Universidade do Algarve, os valores são:

      • 990 euros de propina;
      • 112,20 euros de alimentação;
      •  110 euros de alojamento.

O que representa um total anual de:[(112,20 + 110) x 10 + 990)x 3]= 9 636 euros pela licenciatura.

Quanto ao valor anual de uma licenciatura na Universidade do Algarve, esse é de 3 212 euros.

Por fim - e já nas ilhas - na Universidade dos Açores, tal como nas restantes mencionadas, todos os cursos de licenciatura têm o mesmo valor de propina anual, que corresponde a 1013 euros (já inclui o valor do seguro escolar e matrícula). Quanto aos outros custos:

      • 1013 euros de propinas;
      • 110 de alimentação;
      • 120 de alojamento.

[(110 + 120) x 10 + 1013) x 3] = 9939 euros, correspondentes ao total da licenciatura.

O valor anual de qualquer que seja a licenciatura na Universidade dos Açores é de 3313 euros, que já inclui os gastos com a alimentação na cantina e alojamento no estabelecimento.

Conforme se pode verificar após a análise a cada uma das Universidades acima, a UAlg é a universidade mais económica, seguida da Universidade dos Açores e, por último, a do Porto.

Cursos mais baratos na Universidade do Algarve

Uma vez que na Universidade do Algarve o valor da propina é igual para qualquer curso (tal como acontece na maior parte dos estabelecimentos acima), a oferta formativa abarca as seguintes áreas de formação: arte, comunicação e património, ciências, economia, gestão, turismo, engenharias e tecnologias.

Para os indecisos relativamente a um destes estabelecimentos de ensino, de certeza que esta análise os elucidou de alguma forma a escolher a favor de alguma, quer seja pelo facto de ter o curso que pretende enveredar, quer pelo custo em si.

De qualquer forma, este último fator nunca deverá ser impedimento, uma vez que pode comparar e simular todos os créditos especializados para a sua formação aqui.

Conselhos para sobreviver ao primeiro ano da universidade

Infografia: Conselhos para sobreviver ao primeiro ano da universidade

Apresentamos as chaves para que o estudante possa sobreviver a esta nova fase da vida e entrar com o pé direito no primeiro ano da universidade.

Inscreva-se e baixe este infográfico gratuitamente


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.