Notícias

Dicas para o início de uma carreira de sucesso em Design de Interiores

      
A indústria do design de interiores é um mercado em expansão
A indústria do design de interiores é um mercado em expansão  |  Fonte: iStock

A indústria do design de interiores é um mercado em expansão com a generalidade das pessoas a aperceberem-se da importância fundamental que o bom gosto desempenha nas suas vidas. Também para os outros é certo, mas principalmente para nós próprios. Quão importante é sentir-se bem na sua casa?  

 

A carreira de um designer de interiores é feita de pequenos e grandes desafios quase todos os dias. Com certeza alguns destes desafios serão mais apelativos enquanto outros nem tanto. Neste artigo, vai poder encontrar alguns aspetos relativos a esta atividade profissional a que deverá estar atento caso seja uma opção de futuro que esteja a considerar. Confira:



1. Portfólio

 

Não se deixe enganar: o mercado está em expansão mas a competição é feroz. Comece a construir um portfólio o mais cedo possível, mesmo que para isso tenha de oferecer alguns projetos. Considere um investimento (porque é). Pode estar certo de que as pessoas vão querer ver o resultado do seu trabalho antes de o contratarem. 

 

2. Especialize-se

 

Se um portfólio dos resultados do seu trabalho é absolutamente indispensável para singrar neste meio, também o é uma atualização constante acerca das novas tendências, novidades, e ferramentas tecnológicas (as apps Homestyler Interior Design, Room Planner e Adobe Capture CC> podem facilitar muito o seu trabalho) que lhe permitirão optimizar o seu processo criativo bem como expandir a sua base de clientes. Uma estratégia inteligente é começar a pensar a sua formação tendo em vista nichos de movimentos que vêm a crescer desde há algum tempo, áreas que implicam fatores demográficos, sociais e ambientalistas incontornáveis, tais como:

 

  • crescimento populacional

  • design orientado para a população sénior

  • arquitetura moderna

  • design ambientalista 

 

3. Estágio

 

Antes mesmo de terminar o seu curso, no caso de não ter nenhum projeto em vista num futuro próximo, procure começar a pesquisar entre empresas do ramo a possibilidade de efetuar um período de estágio. Mais uma vez, nesta fase do campeonato, um salário confortável que não o faça repensar todas as suas escolhas de vida até ao momento não deve ser a sua maior fonte de preocupação. Muitos estagiários nas mais diversas áreas trabalham em regime de voluntariado com o objectivo de adquirir experiência. A integração, mesmo que temporária, numa empresa vai permitir-lhe não só a aquisição de uma experiência fundamental, mas também expandir e potencializar a sua rede de contactos - onde se inclui a sua carteira de clientes e os fornecedores de serviços com quem irá trabalhar regularmente. 

 

4. Persistência

 

Ainda que o salário de um recém-licenciado em Design de Interiores não deva ser  o principal fator de motivação, se tem efetivamente paixão por esta área, com certeza a originalidade, criatividade e qualidade dos trabalhos irão acabar mais cedo ou mais tarde por dirigi-lo ao sucesso. Procure trabalhar a dedicação e resiliência, porque seja com o ginásio, uma dieta, um trabalho, um curso ou uma relação, perder a motivação é fácil - aquilo a que tem a que se agarrar para chegar ao seu objectivo é à dedicação. Nos dias em que precisar de uma inspiração extra, lembre-se que o Pinterest está sempre lá para o ajudar.

Para quem está à procura de uma Instituição de Ensino Superior para realizar os seus estudos em Design de Interiores, disponibilizamos informações sobre os cursos existentes. Esta é uma lista de Instituições meramente informativa e cuja a ordem não está dependente de avaliações externas ou internas de qualidade:

 

Licenciatura em Design de Interiores e Equipamento - Instituto Politécnico de Castelo Branco

 

Mestrado em Design de Interiores e de Equipamento  - Universidade Lusíada do Porto

 

Mestrado em Design dos Espaços - Universidade da Madeira

 

Pós-Graduação em Design de Interiores e Espaços - Instituto Politécnico do Porto 

 


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.