text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Não está a conseguir emprego em tempos de crise? Saiba o que fazer

      
Não está a conseguir emprego em tempos de crise? Saiba o que fazer
Não está a conseguir emprego em tempos de crise? Saiba o que fazer  |  Fonte: Shutterstock
Notícias Seu Emprego, Universia Brasil

DICAS DE RECRUTAMENTO

Os Técnicos do Universia Emprego deixam algumas dicas sobre como conseguir emprego, como funciona o mercado de trabalho e o desenvolvimento profissional. Acompanhe a série

Aos poucos parece que Portugal está a sair da crise que culminou no último resgate Depois da Troika, o desemprego teve, infelizmente, uma recuperação um pouco mais lenta, e algumas pessoas têm mais dificuldade em regressar ao mercado de trabalho. O número de vagas disponíveis nas empresas diminuiu, os vencimentos estão mais baixos e, consequentemente, a competição para conseguir uma oportunidade de emprego aumentou.

Ou seja, cada vez mais o candidato que está a participar num processo de seleção de emprego tem de saber de que forma se pode destacar dos seus concorrentes, caso pretenda ficar com a vaga à qual se candidatou. Por isso, tem que se preparar para conseguir eliminar profissionais qualificados que também estão a concorrer à mesma oportunidade.

A seguir, indicamos o que deve fazer para conseguir um emprego em tempos de crise:

ATUALIZE O CURRÍCULO

O seu currículo é o seu cartão de visita para a empresa. Por isso, deve estar bem estruturado e atualizado. Faça uma revisão e verifique se falta alguma informação relevante, se encontra erros de português, ou se a distribuição dos tópicos está incorreta. A ordem deve ser: dados pessoais, objetivo, formação académica, experiência profissional, qualificação e habilidades ou competências. Lembre-se: o currículo deve ter até duas páginas e as informações devem ser sucintas. Nunca se esqueça que os recrutadores valorizam candidatos que sabem explicar tudo de forma objetiva e curta.

PROCURE VAGAS EM DIFERENTES LOCAIS

Não utilize apenas um canal para procurar oportunidades de emprego. Procure em portais de emprego e adira a grupos relacionados com a área do emprego nas redes sociais. Não se esqueça de pesquisar diariamente as oportunidades divulgadas.

INVISTA NA SUA FORMAÇÃO PROFISSIONAL

O pior erro que um profissional pode cometer é ficar parado enquanto não arranja um novo emprego. O tempo afastado do mercado de trabalho deve ser aproveitado para investir na sua formação profissional. Identifique os pontos que precisa de desenvolver na sua carreira e invista em cursos, workshops e eventos relacionados. Atualmente, é possível encontrar muita informação e conteúdos online, e muitos deles até são gratuitos como é, por exemplo, o caso de muitos dos MOOCs disponibilizados pela plataforma MiríadaX. Portanto, não há desculpa para ficar de braços cruzados.

FAÇA NETWORKING

Conviver com pessoas da sua área é fundamental para criar uma rede de contactos. Em eventos e restantes encontros setoriais, como por exemplo, as feiras da sua área de atuação ou até mesmo em algum curso, procure conversar com pessoas que o podem ajudar a regressar à vida ativa. Tente ainda explorar o LinkedIn e estabelecer contacto com profissionais da sua área.

SEJA FLEXÍVEL

A crise afeta a variedade de vagas disponíveis no mercado e, como tal, é necessário estar aberto a novas oportunidades. Tenha em mente que poderá não encontrar uma vaga na área desejada ou terá inclusive que trabalhar em locais com salários inferiores ao anterior. É preciso ter paciência pois este pode ser o primeiro passo para uma nova oportunidade, mas é preciso saber arriscar.

DEMONSTRE INTERESSE

Caso tenha sido selecionado para um processo de recrutamento de emprego, estude a fundo a empresa à qual se candidatou. Deve estar alinhado com a cultura organizacional do local, além dos seus próprios objetivos e necessidades do momento. Esta atitude demonstra motivação para conquistar a oportunidade. Durante as várias fases do processo, procure mostrar o quanto está interessado em conseguir a vaga e de que forma pode contribuir com o desenvolvimento da empresa.

SEJA PERSISTENTE

Se não conseguir a vaga à primeira, não desista de tentar. Interprete o processo de recrutamento como uma aprendizagem. Absorva o que pode e deve ser melhorado e recorra aos feedbacks recebidos ao longo das diversas etapas, para se preparar melhor para os próximos desafios.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.