text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Como falar dos seus defeitos numa entrevista de emprego?

      
Termos de falar sobre nós mesmos não é uma tarefa confortável para muitos de nós.
Termos de falar sobre nós mesmos não é uma tarefa confortável para muitos de nós.  |  Fonte: iStock

Termos de falar sobre nós mesmos não é uma tarefa confortável para muitos de nós, e um dos momentos em que nos sentimos menos confortáveis é quando nos pedem para falar das nossas virtude e defeitos na entrevista. Por isso, é importante estarmos preparados para falar dos defeitos na entrevista sem tentar “despachar” a questão, não dar respostas vagas e/ou tangenciais ou não cair no erro de sermos “demasiados sinceros” e empolgarmos os defeitos, dando um ar derrotista de nós mesmos. 

Pode acontecer que por vezes o entrevistador faça perguntas sobre fraquezas, mas no fundo o que está a tentar fazer é perceber a forma como contornamos esses mesmos obstáculos, de forma a desempenhar bem o nosso trabalho. 

Pensarmos em todas as entrevistas que já fizemos e no que correu melhor e pior,  e antecipar respostas pode ser a chave para falarmos dos nossos defeitos numa entrevista de trabalho, de uma forma bem sucedida.

Estratégias para falar sobre defeitos numa entrevista

Com base na premissa de que todos temos defeitos, o importante é estar preparado para abordar esta questão, e ter algumas estratégias presentes:

  • Ser otimista 

  • Destacar defeitos que não interferem ou inviabilizam a realização das tarefas em questão

  • Mostrar que há um plano para lidar com determinada fraqueza

  • Demonstrar que as virtudes e capacidade de dar resposta às exigências ultrapassam os defeitos 

  • Dar exemplos práticos dos defeitos e de estratégias para lidar com eles

  • Não dar grande ênfase a esse defeito

  • Não dar resposta ambíguas ou referir defeitos que podem ser qualidades (por exemplo; “sou demasiado perfecionista”


A forma como respondemos quando questionados sobre quais os nossos defeitos numa entrevista de trabalho providencia pistas importantes para o empregador, e é uma oportunidade de sobressairmos pela capacidade analítica desses defeitos, que pressupõe uma reflexão crítica de como somos na vida profissional.

Porquê perguntar por defeitos numa entrevista?

Efetivamente, durante uma entrevista, muitos aspetos estão a ser avaliados. Muitos desejariam que as questões se cingissem aos aspetos técnicos do trabalho.

Ao indagar sobre os defeitos na entrevista, o entrevistador pretende também conhecer melhor o entrevistado e, pela forma como responde a esta questão, aceder a aspetos relacionados com a sua personalidade, como reage sob pressão, perceber o nível de consciencialização dos defeitos e se, porventura, algum destes aspetos inviabiliza o bom desempenho das futuras tarefas. 

Por isso, é importante estarmos preparados para esta questão e destacar defeitos de uma forma inteligente. 

Outros pontos a considerar

Mas, claro, há todo um conjunto de perguntas que nos serão feitas, e para as quais temos de estar preparados. Perceber as nossos virtudes, o porquê de sermos uma mais-valia para a empresa, o que nos motiva neste trabalho específico. Para isso, é necessário um trabalho prévio de pesquisa sobre a empresa e sobre a oferta de trabalho. 


Nunca se esqueça que o entrevistador está atento a tudo que acontece durante a entrevista, e falar bem sobre os nossos defeitos numa entrevista de emprego é também uma oportunidade para nos destacarmos.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.