text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

José Quitério é o vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2015

      
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

O crítico gastronómico e jornalista José Quitério é o vencedor do Prémio Universidade de Coimbra 2015, um dos mais relevantes prémios nas áreas da ciência e da cultura, no valor de 25 mil euros.

O Prémio, que tem o apoio do Banco Santander Totta, será entregue no dia 1 de Março, durante a Sessão Solene comemorativa do 725º aniversário da Universidade de Coimbra.

Com 72 anos de idade e natural de Tomar, o vencedor do galardão foi estudante da Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra e tornou-se conhecido pelos 38 anos de crítica gastronómica no semanário “Expresso”, onde foi fundador da secção de Gastronomia. Em 2013, foi distinguido como Personalidade do Ano na Gastronomia pela revista WINE – A Essência do Vinho.


Além da escrita para imprensa, é autor de diversas obras sobre alimentação e gastronomia portuguesa, tais como, o “Livro de bem comer: crónicas de gastronomia portuguesa” (1987), “Histórias e curiosidades gastronómicas” (1992) e “Escritores à mesa (e outros artistas)” (2010). Com este último venceu o Prémio “Literatura gastronómica” nos World Cookbook Awards.


O Prémio é atribuído por um Júri pluridisciplinar, cujo Presidente é o Reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Coimbra, tendo como Vice-Presidentes Luís Bento dos Santos, Administrador do Banco Santander Totta, e Afonso Camões, Director do Jornal de Notícias.


Fazem ainda parte do Júri Carlos Reis, Maria José Azevedo Santos, Virgínia Ferreira e Walter Rossa, da Universidade de Coimbra, Maria de Sousa, da Universidade do Porto, Viriato Soromenho-Marques, da Universidade de Lisboa, o arqueólogo Cláudio Torres e o embaixador Francisco Seixas Costa.
Criado em 2004, o Prémio Universidade de Coimbra tem distinguido ilustres personalidades, entre elas, António Sampaio da Nóvoa, João de Deus Ramos, António Pinho Vargas, Maria de Sousa, Julião Sarmento e Luís Miguel Cintra.


A relação com o Ensino Superior continua a ser a grande prioridade da política de Responsabilidade Social Corporativa do Santander Totta que, através do Santander Universidades, colabora actualmente com 46 universidades portuguesas.

O Banco investe anualmente cerca de 6 milhões de euros em acções de responsabilidade social corporativa. Deste investimento, 80% destina-se ao Ensino Superior, através do apoio ao conhecimento, à Mobilidade Internacional e da concessão de Bolsas de Mérito e Prémios Científicos.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.