text.compare.title

text.compare.empty.header

Notícias

Professor: veja como explicar matérias difíceis de uma forma mais fácil

      
Fonte: Shutterstock
Fonte: Shutterstock

Não importa qual seja a disciplina ensinada ou a faixa etária dos seus alunos: é fundamental que um professor seja didático. Além de táticas como jogos e outros recursos tecnológicos que de facto auxiliam na compreensão, é preciso trabalhar táticas para fazer com que as aulas sejam compreensíveis.

 

» Infográfico: os jogos estarão mais presentes na educação nos próximos anos
» Infográfico: educação x Tecnologia: o que dificulta esta aliança?
» Infográfico: fique a saber o que é a educação híbrida e porque é que é uma tendência na educação

 

Uma boa dica nesse sentido é criar um método a ser seguido em todas as aulas, para que os alunos se acostumem com essa lógica e captem cada vez mais facilmente os novos tópicos. Está interessado nesta técnica? Veja a sua aplicação prática:


1 – Foque-se em tópicos
Divida o assunto em pequenas partes e domine cada uma delas. Assim torna-se mais fácil explicar à turma cada uma das suas funções e particularidades.


2 - Use livros didáticos
Ter um material de apoio é muito importante, até mesmo para obter referências. Antes de escolher um livro ou sebenta, compare diferentes autores para verificar se as teorias correspondem e qual tem o texto mais acessível. Também é importante verificar se o material tem bons exemplos e se eles são claros, pois é mais fácil explicar a matéria com os exemplos já detalhados pelos autores do que criar todos de novo.

 

3 – Use o quadro como recurso
Muitos professores não têm por hábito usar o quadro para esquematizar as suas explicações, no entanto este pode ser uma ferramenta muito eficaz. Construir diagramas, linhas de tempo ou até mesmo desenhar enquanto dá a aula pode ser muito eficaz para a assimilação do conhecimento pelos alunos.


4 – Dê exemplos
É fundamental citar exemplos concretos nas suas aulas. Os exemplos facilitam a compreensão da teoria e dão forma aos conceitos, o que simplifica a aprendizagem do aluno. Assegure-se de que os seus exemplos são próximos da realidade dos alunos, pois não adianta oferecer modelos que os alunos não vão entender.

 

5 – Peça feedbacks
Ao final da explicação, verifique se a turma realmente entendeu o que foi dado, fazendo perguntas para obter feedback. Seja específico perguntando, por exemplo, qual o tema que mais gostaram e que dúvidas têm ainda, para se poder focar melhor na aula seguinte.


Tags:

Aviso de cookies: Nós usamos cookies próprios e de terceiros para melhorar os nossos serviços , para análise estatística e para mostrar publicidade. Se você continuar a navegar considerar a aceitação de seu uso nos termos estabelecidos nos Política de Cookies.